domingo, setembro 25, 2005

Minhas crias e eu.

Se o sonho de todos os pais se tornasem realidade não existiria ninguém para trabalhar como doméstica, lixeiro, auxiliar de pedreiro, office boy, etc... ou então todas as profissões seriam bem remuneradas e cheias de prestígio. Nós pais sempre desejamos o melhor para nossos filhos, querendo sempre o bem maior para eles e que ao mesmo tempo eles sejam melhores que nós mesmos , que nunca herdem os nossos defeitos ou coisas que nos desagradam em nosso jeito de ser e principalmente que nunca cometam os mesmos erros que nós um dia já cometemos. Felizmente moro em um País em que independentemente da profissão ou do trabalho que se exerça, é possível ainda hoje viver-se descentemente.
Eu como toda mãe tenho sonhos e planos para a vida de meus filhos. E eles como a maioria dos adolescentes sonham com Fama e Fortuna fazendo um trabalho que os agrade, mas será isto o mais importante?
Quando menina ouvia sempre a frase que dizia:-Um amor e uma cabana. Hoje em dia temos que mudar a frase para:-Um amor uma cabana e dez alugadas.
Apesar dos meus sonhos, na verdade o mais importante para mim é que meus filhos trabalhem em algo que gostem e que de prazer. Que se sintam realizados mesmo que o salário não seja dos melhores e que acima de tudo sejam felizes.
Procuro ensinar a eles a importancia em tratar bem as pessoas, querer o bem de todos como a si mesmo e acima de tudo não julgar o comportamento alheio; pois todos que erram ao nosso ver, erram certamente em busca da felicidade própria, e quem somos nós para julga-los, não é isto o que nós todos estamos a procura?
Como meus filhos ainda são jovens e Charlotte tem apenas 10 anos,
TO BE CONTINUED...
Quem viver verá!

Um comentário:

teka disse...

Sem comentários.. Espantoso a forma como descreveu essas palavras.. amei! Bjao!