quinta-feira, agosto 24, 2006

Meus dias



_T., troca de roupa, coloque o pijamas e te ajudarei a tirar as meias
_Elizabeth, sabe de uma coisa, a tempos não trepo.
_Mas meu caro T., você tem uma esposa que tal conversar com ela.
_Ah!, não sei não, desde que ela teve o enfarte que não a visito.
_Me diz o que você acha da palavra trepar?
_Um pouco desagradavel, existem formas melhores de se formular esta vontade.
_É verdade. Boa noite.
_Boa noite


_K., que tal tirar um cochilo depois do almoço, te acordo para o lanche.
_Não, estou de saida.
_Que??? e onde e como pensas que vai sentada nesta cadeira de rodas e sòzinha?
_Visitar a I.
_Mas ela não mora por aqui, como pensas em chegar lá?
_Não é da sua conta...
_Espero que o foguete nao tenha partido, pois ela mora no céu...

_Elizabeth, você viu minha mãe por ai?
_A contar a sua idade com certeza morta.
_Morreu de que?
_Idade, o corpo e o coração estavam fracos demais.
_Não....(choro e sai ao encontro de outros aposentados)
_Sabe que esta menina acaba de me dar a notícia do falecimento da minha mãe.
Todos em coro
_Meus pesames
e assim passam os meus dias no trabalho, bastante agradáveis se me creem.

3 comentários:

Sonho Meu disse...

Nossa Beth...
E parece que vc faz com o maior amor nao é mesmo?
Me lembro quando aqui cheguei, me fizeram uma proposta para trabalhar numa creche do condado que lida com crianças problematicas. Eu iria trabalhar junto com outra professorinha. Recusei. Até que fui na entrevista, mas me partia o coracao ver aquelas crianças vindas de familias delaceradas, crianças espancadas, crianças retardas, crianças inutilizadas em cadeira de rodas. Comecei a chorar e falei pra moça que achava que eu nao seria uma boa ajuda ali nao. Sou o tipo de pessoa que se envolve demais com os problemas e quero resolver, nao suporto ver sofrimento, eu quero ajudar. Desisti do emprego na hora.
Parabens pra vc que ta ajudando os velhinhos.
Beijos,
me

ana pontes disse...

Bete, muito bonito seu amor e dedicação, a esses idosos que precisam tanto de atenção.
Agora cuidado, este velhinho tarado, pode não querer visitar a esposa, mas vc está próxima e cheia de vida, sem contar que tem pele negra, e isso mexe com os gringos. Não fosse assim, vc não teria conquistado o Leif, não?
Beijos

Elis disse...

demorei ,mas aparecei,viu?Valeu pelas doses de bons fluidos la no meu blog!!
Eu sigo a vida...
ts bem por ai?